top of page
Buscar
  • Foto do escritorPsicóloga Angelita Eccel

Será que tenho baixa autoestima?


Quais são os sinais de baixa autoestima?

-Dificuldade de dizer não, de se impor, de colocar limites… por medo da rejeição.

-Necessidade extrema de agradar a todos em sua volta, assim tendo uma aprovação ou validação. Em muitas ocasiões se colocando em submissão ao outro.

-Não conseguir confiar em si mesmo. Medo de enfrentar desafios, passar a duvidar de suas qualidades e virtudes.

-Fazer uma autodepreciação, passar acreditar e apostar nos pontos fracos e nas falhas. Se autocriticar quase em tempo integral.

-Um ponto crucial, se comparar com os outros, especialmente quem usa as redes sociais. Infelizmente em muitos momentos passa a ter uma imagem distorcida de si mesmo.

Neste caso, olhe para si, observe como era um ano ou mais atrás, então, tenha a sensibilidade de observar quantas evoluções.

-Insegurança constante nos relacionamentos.

Passa a ter dificuldades em ter um relacionamento saudável, ficando ou num extremo ou no outro.

Às vezes por insegurança apresenta muito ciúmes ou o outro extremo fica com medo de se impor.

-Extrema tendência a se sabotar, inconscientemente passa acreditar que não é merecedor e age de forma estranha afastando as pessoas.

-Também, é comum sintomas físicos, como:

Dores de cabeça, dor no estômago, problemas digestivos, vertigens, tensão muscular, insônia, até mesmo doença psicossomática.

Quais as saídas para todos esses sintomas?

O importante é a pessoa tomar consciência do que está ocorrendo, esse é o primeiro passo.

Sair da culpa ou do vitimismo, de colocar as responsabilidades no outro.

Por isso, regra básica número um.

“Eu mudo, assim mudo meu entorno”.

Importante entendermos que a autoestima é de dentro para fora, são os meus sentimentos que darão validação para as minhas atitudes.

Lembrando, que eu sou a pessoa mais importante, isso não é ser egotista, mas sim precisamos ter autocuidado, ter valorização pela vida, ter amor-próprio, apostar nas nossas qualidades, nos nossos desejos e objetivos.

É fundamental buscar ajuda de um profissional, pois ele nos ajudará a trabalhar as nossas dores e os nossos sofrimentos.

Se acaso tenho baixa autoestima foi algo que foi se construindo durante a minha criação, então devo ressignificar a minha história.

Só assim terei uma saúde mental saudável.

Apostar em mim mesmo, não colocando expectativa nos outros será maior o meu resultado. Só assim terei uma vida mais leve e feliz.

 



Psicóloga Angelita Eccel - CRP 07/27530

Psicoterapia individual para adolescentes, adultos e idosos

Atendimento presencial e online

Agendamento (51) 99764.0404

@psicologaangelitaeccel

 


Para ler mais sobre esse assunto, clique nos links abaixo:

 

7 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


Post: Blog2_Post
bottom of page